Meirelles anuncia programa de incentivo à ferramentaria

Sediado em São Bernardo, evento vai até amanhã; formalização será feita em até 10 dias.

Em discurso realizado no Congresso Latino-americano da indústria automotiva, em São Bernardo, evento do setor que vai até amanhã, o secretário estadual da Fazenda e Planejamento Henrique Meirelles (MDB) anunciou nesta segunda-feira (25) o Pró-Ferramentaria. A iniciativa vai permitir que as empresas utilizem créditos de ICMS (imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) na compra de ferramentaria.

Segundo Meirelles, a formalização do programa será feita em até 10 dias. “Vamos detalhar nos próximos dias, mas visa exatamente dar condições de crescimento da indústria de ferramentaria, fundamental para a região e toda a cadeia automotiva”, disse. A maioria desses créditos está acumulado por conta do alto número de exportações feita pelas montadoras em 2017.

O prefeito Orlando Morando (PSDB), que também participou da abertura, destacou que o pleito foi encabeçado pelo Consórcio Intermunicipal do ABC em 2017, quando ele era presidente da entidade. “É um anúncio que nós aguardávamos há muito tempo porque é um programa muito significativo e representativo para a nossa região. É um recurso que hoje está no poder público, que virá para iniciativa privada como investimento, mas na geração de empregos.”

A publicação do decreto foi em novembro do ano passado pelo governador Márcio França (PSB), porém faltava a regulamentação do programa. “Retomamos os estudos para estabelecer a forma mais eficaz da liberação destes créditos”, afirmou Meirelles.

O prefeito de São Bernardo fez um pleito à Meirelles para que as montadoras que já anunciaram investimentos sejam incluídas no IncentivAuto, programa do governo do estado que concede desconto em até 25% de desconto no ICMS mediante investimentos e geração de emprego. “A maioria das indústrias de São Bernardo está com investimentos em curso. É importante isso ser amparado para sermos competitivos”, disse Morando.

“O pleito atual é relacionado a projetos em andamento, por exemplo, onde a empresa anunciou R$ 5 bilhões e já investiu R$ 3 bilhões, ainda existem R$ 2 bilhões a serem feitos. A ideia é que este montante que está a ser investido faça parte do IncentivAuto. A minha reação inicial é positiva, já que são novos investimentos”, respondeu Meirelles.

A abertura do evento, realizado em parceria entre a Prefeitura e a editora Autodata, também contou com a presença da secretária de Desenvolvimento Econômico do Estado Patrícia Ellen, do secretário da Indústria, Comércio e Inovação do governo federal Caio Megale e do presidente da Anfavea (Associação Nacional das Fabricantes de Veículos Automotores) AntonioMegale.

Fonte:  DGABC

Get Social

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey LinkedIn Icon
  • Grey YouTube Icon

© 2019 - Metalúrgicos de São Caetano do Sul