Na região, 25 mil ainda podem retirar o abono

A Caixa Econômica Federal informou ontem ao Diário que aproximadamente 25 mil trabalhadores do Grande ABC ainda não realizaram a retirada do abono salarial do PIS/Pasep. Somadas, essas pessoas têm R$ 13,9 milhões para resgatar. Para sorte dessa parcela, que deveria ter retirado o dinheiro até a última quinta-feira, o prazo para ter acesso ao abono de 2015 para quem estava inscrito no programa há pelo menos cinco anos foi prorrogado.

A decisão é do Codefat (Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador). O prazo será reaberto no dia 27 de julho, e os trabalhadores terão até o dia 28 de dezembro para retirar o dinheiro. Até o momento, 312.884 pessoas da região sacaram R$ 211 milhões.

A proposta de prorrogação foi apresentada pelo ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, que atendeu pedidos feitos pelos representantes dos trabalhadores do Codefat. O ministro destacou que mais de 1,57 milhão de pessoas, aproximadamente 6,49% do total com direito ao recurso, ainda não fizeram a retirada.

Para o trabalhador saber se tem direito a receber o benefício, que é de até um salário mínimo, deve consultar o site da Caixa ou ligar no 0800 726 0207 e digitar a opção 2. O saque do benefício pode ser feito nos canais de autoatendimento do banco, por meio do Cartão do Cidadão, casas lotéricas e correspondentes Caixa Aqui ou nas agências. De acordo com as novas regras estabelecidas pelo governo federal, o valor do benefício agora é associado ao número de meses trabalhados no exercício anterior. Portanto, quem trabalhou um mês no ano-base 2015 receberá 1/12 do salário mínimo. Quem trabalhou dois meses receberá 2/12 e assim por diante.

DISPONÍVEL

O calendário de pagamento do abono salarial de ano-base 2016 já foi definido. Segundo as estimativas do Codefat, 24,12 milhões de trabalhadores poderão receber o benefício, que começa a ser pago a partir de 27 de julho. Correntistas da Caixa recebem o crédito em conta dois dias antes. Quem nasceu entre julho e dezembro recebe o benefício neste ano, já os nascidos entre janeiro a junho, no primeiro trimestre de 2018. Em qualquer situação, o recurso ficará à disposição do trabalhador até 29 de junho de 2018.

Tem direito ao abono salarial ano-base 2016 quem estava inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos, trabalhou formalmente por pelo menos 30 dias em 2016, com remuneração mensal média de até dois salários mínimos e teve seus dados informados corretamente pelo empregador na Rais (Relação Anual de Informações Sociais). A quantia que cada trabalhador recebe varia entre R$ 79 e R$ 937 e depende do tempo de contribuição

1 visualização

Get Social

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey LinkedIn Icon
  • Grey YouTube Icon

© 2020 - Metalúrgicos de São Caetano do Sul